Páginas

Esta foi a maneira que encontrei de dividir com vocês minhas alegrias, emoções, meus anseios, dúvidas, questionamentos,.. enfim, dividir um pouco de mim, afinal, ser mulher, mãe e esposa, não é fácil e eu não vim com manual de instruções!

domingo, 27 de setembro de 2015

Família

"FAMÍLIA, LUGAR DE PERDÃO...

Não existe família perfeita. Não temos pais perfeitos, não somos perfeitos, não nos casamos com uma pessoa perfeita nem temos filhos perfeitos. Temos queixas uns dos outros. Decepcionamos uns aos outros. Por isso, não há casamento saudável nem família saudável sem o exercício do perdão. O perdão é vital para nossa saúde emocional e sobrevivência espiritual. Sem perdão a família se torna uma arena de conflitos e um reduto de mágoas.
Sem perdão a família adoece. O perdão é a assepsia da alma, a faxina da mente e a alforria do coração. Quem não perdoa não tem paz na alma nem comunhão com Deus. A mágoa é um veneno que intoxica e mata. Guardar mágoa no coração é um gesto autodestrutivo. É autofagia. Quem não perdoa adoece física, emocional e espiritualmente.
É por isso que a família precisa ser lugar de vida e não de morte; território de cura e não de adoecimento; palco de perdão e não de culpa. O perdão traz alegria onde a mágoa produziu tristeza; cura, onde a mágoa causou doença."

Papa Francisco. ❤

Essa semana li este texto no Facebook e fiquei muito tocada. Já faz um tempo que venho pensando nisso e concordo em gênero,  número e grau com o que foi dito.
Sabe, perdemos tanto tempo e tanta energia de nossas vidas guardando mágoas. Poderíamos viver de forma tão mais leve se nos perdoarmos mais.
Muitas vezes é preciso perdoar o outro e ir até ele, fazer aquilo que na teoria era pra ele fazer, mas o orgulho tem impedido.
A mágoa e o orgulho nos fazem perder momentos lindos e únicos.  Momentos esses que não voltam mais e nunca poderão ser repostos. Passou, perdeu!

Graças a Deus hoje meu coração está limpo de toda mágoa, ressentimento e tristeza que já tiveram um espaço muito grande no meu coração. O amor que encontrei, foi maior do que esses sentimentos e os fez voltar a ter o significado que deveriam, NENHUM.

Só o amor é capaz de nos levar a algum lugar que realmente vale a pena, o resto não importa. Orgulho e mágoa só nos destrói e aos que estão a nossa volta e nos amam.

Mais amor por favor!

Com carinho e sem nenhum ressentimento,

Roberta
"Nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir"

domingo, 13 de setembro de 2015

Existe tempo mínimo para viver?

Você já se perguntou isso?
Existe um "tempo minimo" para viver? Pois eu já me peguei pensando muitas vezes nisso.
Se recebemos a notícia de que uma criança faleceu, a primeira frase que dizemos é: "_Nossa! Coitado, tinha a vida toda pela frente!"
Se é um jovem: "_Puxa! Logo agora que ele estava entrando na faculdade, se formando, uma vida toda pela frente! "
Se é um pai (mae) de familia: "_Morreu tão novo. Não viu nem os filhos crescerem!"
Se é uma pessoa entrando na terceira idade: "_Logo agora que se aposentou e ia descansar, curtir os netos!"

Mas e aí? Existe um tempo minimo ou suficiente para vivermos?

Vou falar a minha opinião sobre:
Não acredito que exista um tempo minimo ou suficiente para viver. Viver é bom demais, ainda mais quando sabemos aproveitar a vida que temos!
Algumas pessoas vivem décadas e décadas, mas na prática, não vivem, apenas existem.
Minha Olivia viver por 34 semanas intra uterina e 30h fora do útero, mas quer saber? Ela viveu muito mais do que a maioria das pessoas. A vida dela me ensinou tanta coisa e eu ainda aprendo com ela. A vida dela foi curta. Curtíssima eu diria, mas foi tão intensa que não precisava de mais nem um minuto. Ela aproveitou cada minuto que lhe foi dado, talvez eu é que não soube aproveitar os minutos que a tive comigo. Talvez eu pudesse ter acariciado mais minha pança, contado mais histórias pra ela, cantado mais canções,... mas não soube aproveitar minha vida naquele tempo.
Agora mesmo, estou escrevendo este post e as vezes paro para olhar a Helena mamar. Passa tão rápido! Num piscar de olhos, ela estará amamentando seus filhos e se Deus me permitir estar com ela neste dia, não quero me lamentar por não ter aproveitado esse tempo meu e dela, afinal, não existe tempo minimo para viver. A partir do momento que recebemos o dom da vida, estamos sempre vivendo por um fio e o dia de amanhã sempre existirá, só não sabemos quem fará parte dele!

E você?
O que pensa a respeito?
Tem valorizado o dom da vida?
Se você morrer hoje, o que vai deixar de herança para quem está ao seu lado?

Com carinho,

Roberta Marques
"Nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"

Vamos tirar essa poeira?????

oi gente!!!!!

Quanto tempo hein? Caramba!
Eu sempre vinha olhar aqui e não me inspirava para escrever, mas hoje eu entrei no painel de controle e encontrei tantos comentários carinhos dizendo que sentem minha falta e tal que resolvi voltar! êêêêêêêê

Nossa tanta coisa aconteceu nesses últimos anos!  Isso mesmo! Anos!!!!

Manuela está com 3 anos e tem uma irmã!  Helena ❤️
Pois é minha gente, esse corpinho barrigudo já foi responsável por carregar 3 vidas e de 3 meninas lindas!!!

Bom, são muitas coisas, muitas novidades, muito tudo rsrsrs Vou contando aos poucos. Assim tenho assunto por um bom tempo! Hahahaha

Se você tiver a,fuma dúvida, sugestão, achar legal abordar algum tema no blog, deixa nos comentários que vou ter o maior prazer em responder!!!!


Beijocas,

Roberta
"Nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"